I Colectânea de Poesia Lusófona em Paris será apresentada no Consulado de Paris

0

O Consulado Geral de Portugal em Paris será o palco da Lusofonia no próximo dia 22 de Junho, pelas 18 horas, com a apresentação da “I Colectânea de Poesia Lusófona em Paris”, pela chancela da Portugal Mag Edições, editora sedeada na região de Paris.

Nesta Colectânea participam mais de 80 poetas oriundos de vários países, sendo a coordenação da responsabilidade do escritor Adélio Amaro, que vive em Portugal, e dos directores da Portugal Mag Edições: Frankelim Amaral e Pedro António. Na sessão de apresentação serão diversos os convidados, alguns oriundos dos países participantes, com destaque para Portugal e Brasil, entre as várias entidades. Este projecto que a Portugal Mag Edições irá apresentar surgiu da ideia de Adélio Amaro, coordenador de sete antologias lusófonas, onde editou mais de 300 poetas de 24 países. Por isso, a Portugal Mag Edições desafiou este escritor português para elaborar um projecto idêntico para Paris. E, a surpresa aconteceu. Em colaboração com Frankelim Amaral e Pedro António, a “I Colectânea de Poesia Lusófona em Paris” acabou por ser um sucesso de participações, com imensos poetas ligados a diversas academias em vários países. O local escolhido para a sessão de apresentação desta edição lusófona foi o Consulado Geral de Portugal em Paris, tendo o Cônsul-Geral, António Albuquerque Moniz, achado a ideia muito interessante e mostrado disponibilidade imediata para colaborar institucional para a realização da referida apresentação. Além do lançamento em Paris, estão previstas mais apresentações, com destaque para a que se realizará em Leiria, Portugal, com a colaboração institucional da Câmara Municipal daquela cidade. Esta Antologia conta com o Prefácio de Adélio Amaro e textos de introdução de Frankelim Amaral, Pedro António e ainda da escritora Alice Machado, sendo a capa da responsabilidade da reconhecida artista plástica Irene Gomes, que prontamente se disponibilizou para a concepção da mesma com um dos seus trabalhos.

Irene Gomes é natural da Batalha, em 1960. No ano de 1987 foi Bolseira no Centro de Restauro ENAIP-CEP (Centro Estero Piemonte) – Monastero da Trinitá, Brescia, Itália. Foi docente no Mosteiro da Batalha IPPAR/IGESPAR e já venceu dezenas de prémios. A autora da capa da “I Colectânea de Poesia Lusófona em Paris” já efectuou mais de cem exposições individuais e participou em mais de três centenas de exposições colectivas, nacionais e internacionais. Está representada em colecções particulares e museus. Tem oito livros editados é autora de imensas ilustrações, assim como capas de livros.

Adélio Amaro2 Frankelim Amaral pedro_antonio Irene Gomes

Fotografias: Adélio Amaro, Frankelim Amaral, Pedro António e Irene Gomes.

Partilhar.

Comments are closed.